Wernher von Braun – sobre vida extraterrestre

“Nosso sol é uma entre 100 bilhões estrelas na galáxia. É muita presunção achar que seríamos os únicos seres do Universo.”

Wernher von Braun (1912-1977) em frente às turbinas de um protótipo de testes do foguete Saturno V, que seria usado no programa Apollo para levar o Homem à Lua.

“Nosso sol é uma entre 100 bilhões estrelas na galáxia. É muita presunção achar que seríamos os únicos seres do Universo.” (Wernher von Braun)

 

[Nota: Hoje estima-se entre 200 bilhões e 400 bilhões de estrelas em nossa galáxia.]

 

 

 

 

Wernher von Braun foi um engenheiro aeroespacial nascido na Alemanha e naturalizado cidadão norte-americano. Foi responsável pela tecnologia de mísseis nazistas e, com o fim da segunda guerra mundial, trabalhou para as forças armadas dos Estados Unidos. Seu grupo foi posteriormente assimilado pela agência espacial desse país (NASA).

Finalmente, seu trabalho e toda a tecnologia desenvolvida por von Braun deixaram de ser utilizados diretamente para a guerra e passaram a ser úteis para a conquista espacial. Sua vida é mais um inquietante exemplo de como, infelizmente, a ciência avançou muito devido a motivações bélicas.

 

 

Autor: Leandro L S Guedes

Sou Astrônomo da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro, faço doutorado no curso de História das Ciências e das Técnicas e Epistemologia, pela UFRJ, e nesse ano de 2013 estou passando alguns meses na Universidade de Notre Dame, EUA. Tenho interesses em: Astronomia, História, Epistemologia, Filosofia da Ciência.

Um pensamento em “Wernher von Braun – sobre vida extraterrestre

Os comentários estão desativados.