Depois da Superlua do último dia 10 de agosto de 2014 (em setembro haverá outra!), o céu nos oferece agora a chuva de meteoros Perseídeas, cujo máximo de atividade deve ocorrer entre 12 e 13 de agosto. Essa chuva é melhor observada do hemisfério norte, mas pode ser observada de alguns lugares abaixo do equador, bem próxima ao horizonte.

Esse ano, o Google resolveu homenagear as Perseídeas fazendo uma menção a ela em seu logo com uma bonita animação.

Logo do buscador Google lembrando das Perseídeas.  A chuva só pode ser bem observada do hemisfério norte.
Logo do buscador Google lembrando das Perseídeas

As Perseidas acontecem quando a Terra cruza o rastro do cometa Swift-Tuttle, e as partículas de poeira deixadas no espaço por ele entram em nossa atmosfera. Como o nome da chuva diz, seu radiante está na constelação de Perseu, que pode vista baixo no céu em algumas cidades do Brasil e muito melhor observada em cidades no hemisfério Norte.

A quantidade média de meteoros do das Perseídeas é de 80 por hora. Lembre-se que é apenas uma média e não garante que essa taxa aconteça cada ano. Não é fácil prever com boa exatidão se haverá muitas ou poucas partículas nem seus tamanhos e velocidades. Todos esses fatores contribuem para a chuva de meteoros ser bela, média, ou um fiasco. Ok, nunca é um fiasco observar o céu!

Aliás, para garantir que não haverá fiasco há a Lua cheia no céu. Bom, talvez a Lua cheia garanta que a chuva será um fiasco… afinal, Lua cheia é bonita mas atrapalha qualquer outra observação do céu, e seu brilho ajudará a ofuscar os meteoros mais fracos das Perseidas.

Não espere muito das Perseídeas esse ano, mas, caso você se anime mesmo assim, abaixo estão duas Cartas Celestes do dia 12 de agosto de 2014, uma para Brasília e outra para Paris, ambas à 02 horas da madrugada (no horário local de cada cidade).

Carta Celeste para Brasília, 12/08/2014 às 02h no horário local
Carta Celeste para Brasília, 12/08/2014 às 02h no horário local (05h UTC)

 

carta_paris_perseideas_2014
Carta Celeste para Paris, 12/08/2014 às 02h no horário local (00h UTC)

 

 

Publicado por Leandro L S Guedes

Sou Astrônomo da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro, faço doutorado no curso de História das Ciências e das Técnicas e Epistemologia, pela UFRJ, e nesse ano de 2013 estou passando alguns meses na Universidade de Notre Dame, EUA. Tenho interesses em: Astronomia, História, Epistemologia, Filosofia da Ciência.

14 respostas em “Chuva de Meteoros Perseídeas, Agosto de 2014”

  1. Olá ,queria saber se aki na fazenda rio grande Paraná vai aparecer essa maravilha que horas e que dia vai aparecer ?

    1. Oi, Rubia

      Dê uma olhada no site Cartas Celestes para saber quando uma chuva de meteoros estará visível no seu céu.

      Configure um local e o site todo estará disponibilizando não só a carta celeste, mas uma séries de outras informações para onde você desejar.

  2. Moro em no interior de SP-Franca gostaria de saber se em minha cidade vou poder observar essa maravilha !!e a que horas vai passar hoje dia 13/08/2014 🙂

    1. Annabeth, como conversei com o Thiagao abaixo, a chuva acontece durante algumas noites, não há uma hora específica. O que você precisa fazer é encontrar a constelação de Perseu no céu e observá-la durante algum tempo. Certamente você verá alguns meteoros da chuva. Segue abaixo a carta para Franca na madrugada de hoje para amanhã às 4h da manhã. Só por volta desse horário é que Perseu começa a aparecer no seu horizonte. É um horário chato, mas nas próximas noites vai ser cada vez mais difícil ver algum meteoro dessa chuva. Boa observação!

  3. Olá!!Estou no interior de São Paulo-Pederneiras,vou poder ver e registrar toda esta beleza e maravilha??

    1. Olá, Olga

      Como você está muito ao sul, a constelação de Perseu fica muito próximo ao seu horizonte, o que dificulta a observação. Mas tente! E me diga o que conseguiu ver.

      Abaixo está a carta celeste para Pederneiras para as 4h da manhã de amanhã. É muito cedo (ou tarde), mas se puder acordar esse horário, procure Perseu próximo ao Norte de onde você mora (se o seu braço estiver para o lado onde o Sol nasce, você estará olhando para o Norte). Bons céus!

  4. eu sou de pernambuco, que horas mais ou menos a chuva de meteórios passara por aqui??

    1. Thiago, a chuva acontece durante algumas noites, não há uma hora específica. O que você precisa fazer é encontrar a constelação de Perseu no céu e observá-la durante algum tempo. Certamente você verá alguns meteoros da chuva. Segue abaixo a carta para Recife na madrugada de hoje para amanhã às 2h da manhã.

      Vc deve procurar Perseu entre o seu norte e o seu leste, mais próximo ao norte. Bons céus!

  5. poderei ver as perseidas do Amapá? moro na capital, e gostaria muito de observar-las.

    1. Oi, Adrian

      Sim, você está num excelente lugar para observar as Perseídeas. Aqui está o seu céu para dia 13/08/2014 às 4 da manhã, no seu horário local. Perseu já estará no seu horizonte depois de uma da manhã, e atingirá uma altura bem legal para a observação.

      Macapá, 13/08/2014, 4h horário local

      Conte se conseguiu observar 🙂

      Forte Abraço e Bons Céus!

  6. “Ok, nunca é um fiasco observar o céu!”

    huahauhau… não mesmo, né? Grata pelas informações, Leandro 🙂
    Me diz uma coisa…. esses alguns lugares abaixo da linha do Equador inclui o Pará?

    1. Oi, Aurora!

      Nunca mesma! 😀

      Sim, Perseu no seu horizonte entre o Leste e o Norte. Maneira aproximada: coloque seu braço direito para onde você vê o sol nascendo e você estará de frente para o Norte. Procure não muito alto no céu entre seu braço direito e seu nariz, quando está olhando para frente.

      Veja a carta para Belém para as 02h da manhã (12/08/2014). Perseu está na parte esquerda superior.

      Carta de Belem dia 12 de agosto de 2014 as 02h no horário local (05h UTC)

      Boa observação!

Os comentários estão desativados.

Copyright © 2009 - 2019 Astronomia.Blog.Br. All Rights Reserved. Created by Blog Copyright.