Possibilidades de emprego para astrônomos

Perguntas e Comentários FeitosCategoria: Formação em AstronomiaPossibilidades de emprego para astrônomos
Felipe perguntado 5 anos

Oi Leandro!

Durante toda minha vida sonhei em ser astrônomo. Ainda criança ficava lendo e fazendo resumos de Atlas do Universo, e sempre fui razoavelmente bom em exatas. No entanto, tenho quase certeza de que não quero levar a vida que um astrônomo tem.

Pesquisei sobre o mercado e percebi que é praticamente obrigatório que um astrônomo faça mestrado, doutorado e pós-doutorado depois da graduação. Ou seja, enquanto em muitos cursos as pessoas já podem buscar emprego logo depois da graduação, na Astronomia elas ainda precisam fazer uma série de pós-graduações antes de poderem entrar no mercado, ou seja, levam pelo menos uns 10 anos (contados a partir do início da graduação) até poderem tentar trabalhar. Isso me assustou um pouco.

Tenho algumas dúvidas que, se você pudesse me responder, te agradeceria muito. Como são muitas, entendo que demore a respondê-las, e se quiser pode responder aos poucos. Aqui vão:

1) Quais empregos uma pessoa que se formou em Astronomia pode conseguir, sem fazer nem mestrado nem doutorado? Ouvi sobre planetários e a Embratel Star One. Como é trabalhar nesses lugares e qual a faixa dos salários nesses empregos? E para entrar nesse locais, é preciso fazer concurso?

2) Para poder trabalhar em universidades e observatórios, é necessário ter ao menos doutorado e passar por um concurso. É verdade que tais concursos só acontecem quando alguém se aposenta? Então, nesse caso, os concursos podem ficar anos sem ocorrer, e quando um acontece pode ser para preencher apenas uma vaga?

3) Qual o valor médio de uma bolsa de mestrado para um astrônomo? E o de uma bolsa de doutorado? E quanto um astrônomo ganha, em média, no pós-doutorado?

4) Pode não ser bem assim, mas já ouvi que os profissionais de exatas são muito valorizados no mercado, pois são vistos como pessoas estudiosas e capazes de desempenhar diversas funções diferentes. Sendo assim, soube que existe uma migração dos astrônomos para outras áreas, como a computação. Ouvi que existem empresas que contratam pessoas que se formaram em algum curso de exatas (qualquer um) para trabalhar com programação, bastando elas provarem que são boas nisso, mesmo que nunca tenham feito nenhum curso de computação. Isso é verdade mesmo? Se for, que empresas são essas, e qual o salário médio num emprego desses? As pessoas precisam de pós-graduação para entrar nessas empresas?

5) Ainda sobre a valorização do profissional de exatas, já ouvi que existem físicos sendo contratados por bancos, algo ligado a finanças e à economia. Sabe se astrônomos também têm sido contratados? E o que é necessário para ser contratado por um banco? Pós-graduação, alguma especialização… O que exatamente? E mais uma vez, tenho que perguntar: qual o salário médio nesse caso?

6) Existem concursos públicos que exigem apenas que a pessoa tenha diploma de ensino superior, logo o graduado em Astronomia pode prestá-los. E existem outros próprios para a Astronomia, tais como os de observatórios e planetários. Mas além desses, em quais outros concursos um astrônomo pode concorrer? Por sua formação ser muito similar a dos físicos, um astrônomo pode prestar concurso para Petrobras e Companhia Vale do Rio Doce, por exemplo?
 

Desculpa pelo texto GIGANTESCO, mas são muitas dúvidas mesmo!

 
Agradeço sua atenção desde já!

0 respostas
Leandro L S Guedes Staff respondido 5 anos

Ops…

 

Aparentemente você está tentando visualizar uma pergunta privativa, que foi enviada por um usuário do Fórum para outro usuário do Fórum, e não é uma pergunta pública.

Mas fique tranquilo, clique aqui e volte para o Fórum-Astronomia.

ET boladão
ET boladão

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Copyright © 2009 - 2019 Astronomia.Blog.Br. All Rights Reserved. Created by Blog Copyright.